03 janeiro 2010

2010: previsões para um Ano Novo muito tecnológico.

Confira as previsões para o mundo da tecnologia no ano de 2010.

E ai pessoal,como vão?Um feliz ano novo a todos!!!

Ai vai meu primeito post do ano!!

O ano de 2010 promete ser o ano da socialização web. Estações fixas de processamento estão sendo cada vez consideradas mais obsoletas e descartáveis, ao passo que tudo direciona o usuário a pensar no trabalho por computação em nuvens. Televisão 3D, Realidade Aumentada, Tech-ecologia com televisões LED e Processamento “verde” são só algumas das promessas de um mundo tecnológico cada vez mais interativo e ambientalmente responsável.


E após as apostas para as tecnologias que irão bombar no ano de 2010, o portal Baixaki reuniu informações dos principais institutos de tecnologia do mundo para levar aos usuários quais são as expectativas para o ano que acaba de chegar. Então sente-se, aperte os cintos e se prepare para embarcar em uma viagem rumo ao futuro da tecnologia mundial.
Computação nas Nuvens
Logicamente não se trata de um armazenamento de máquinas em nuvens. O nome é reflexo do conceito que a cada dia torna-se mais presente na vida dos usuários. A computação nas nuvens nada mais é do que o uso de aplicativos e armazenamento de arquivos em estações online, assim tornando possível a portabilidade de documentos e a segurança no transporte de informações.

Cloud Computing

Um ótimo exemplo da presença da “Cloud Computing” na vida dos internautas é o uso de um serviço da Google chamado “Docs”. Com esse serviço, é possível criar e editar documentos de texto, planilhas, bancos de dados e apresentações de slides, funções desempenhadas por pacotes de aplicativos para escritório, como o Microsoft Office.

Social Computing

O Google Docs permite também a utilização de outro conceito, o “Social Computing (Computação Social)”, pois há a possibilidade da abertura dos documentos para que outros usuários também possam alterá-los, mostrando as modificações em tempo real para todos os usuários que tiverem acesso àquele material.

As vantagens mais evidentes da Computação nas Nuvens são relacionadas às facilidades proporcionadas pelo modelo de processamento online: os computadores teriam menos espaço em disco ocupado por aplicações; o transporte de documentos tornar-se-ia mais simples e dinâmico; serviços online costumam ser monetariamente mais acessíveis do que aplicativos instaláveis.

Nuvens de informações

Suas definições, onde você estiver

Além do que já foi citado, há uma série de recursos que a Cloud Computing disponibiliza para os usuários, pode-se citar como exemplo a sincronização de bookmarks que o Google Chrome permite. Com esse serviço, cada usuário pode ter acesso aos próprios favoritos, não importando em que máquina esteja, basta ter instalado o Google Chrome e um login nos serviços Google.

Nuvens particulares

Empresas de médio e grande porte e que precisam manter grandes fluxos de informações de maneira segura, começam a optar por nuvens privadas de informação. Geralmente baseadas em grandes Data Centers, as nuvens são compostas por servidores potentes e com acesso restrito por senhas, IPs e outras medidas de segurança. Essas nuvens particulares também costumam abrigar aplicativos internos e outros softwares essenciais para o bom desempenho dos funcionários.
Smartphones são apenas telefones celulares?
O ano de 2009 foi muito bom para o mercado de smartphones, vários modelos de aparelhos foram lançados, inclusive o iPhone 3GS da Apple, que teve uma explosão de vendas e conquistou o coração de milhões de usuários ao redor do mundo. E se 2009 foi bom, estima-se que 2010 será melhor ainda.

Smartphones

Essas boas expectativas são oriundas da expansão do mercado e do barateamento dos produtos. Com as vendas crescentes e o maior número de aparelhos disponíveis, é bem provável que a concorrência faça com que os preços caiam e mais pessoas tenham acesso aos telefones celulares com funções inteligentes e muito mais interativas do que a dos telefones normais.

Mas não são apenas os aparelhos que começam a ganhar concorrência, os sistemas operacionais para Smartphones também não são mais monopolizados. Há disponíveis vários softwares base para os celulares, sendo que cada fabricante possui suas parcerias particulares, como os Samsung, que geralmente são vendidos com Windows Mobile; os Nokia com o Symbian; os Palm, que são vendidos com o WebOS e os Blackberry, que possuem o próprio sistema Blackberry OS.

O futuro é Open Source

Dentro da lista de sistemas operacionais para smartphones, há poucos que são gratuitos, mas existe um que já começa a se destacar dentre os concorrentes. Trata-se do Android OS, projeto Open Source patrocidado (é claro) pela Google e já está sendo instalado em vários aparelhos da HTC e Motorola.

Você se pergunta qual a grande vantagem do Android? Em primeiro lugar, o sistema possui integração dinâmica com todos os serviços da Google, sendo, portanto, compatível com os principais serviços online existentes; além disso, o Android possui código aberto e pode ser alterado por qualquer programador, por fim, o sistema operacional é grátis e deve baixar os preços dos smartphones.

Android

Aplicações móveis: o fim da estática

Juntamente aos smartphones e sistemas operacionais para os telefones, também são lançados com frequência, aplicativos que contribuem para a expansão do consumo dos produtos referidos. São vários softwares interativos e funcionais que se adaptam às condições e necessidades momentâneas de cada usuário.

As aplicações que mais se destacam no gênero são referentes a transações bancárias e operações de crédito, navegação para internet, serviços de localização GPS com indicações de locais para alimentação, hospedagem e diversão, monitoramento de saúde, propaganda e música.

Google Phone: mais um passo em direção ao domínio

Para quem se interessou pelo sistema operacional Android, e principalmente para quem se interessa por tudo o que envolve a Google, há uma informação quentíssima. Provavelmente no dia 5 de Janeiro será anunciado oficialmente o lançamento do primeiro smartphone da Google, o Google Phone, ou Nexus One, como vem sendo chamado.

Sistema operacional em ação

Imagens: Engadget (Reprodução

Ao que tudo indica, o smartphone será fabricado pela HTC e terá configurações básicas, com tela Wide VGA de 3,7 polegadas, interface 3D com Android 2.1 e câmera digital de 5 megapixels. O aparelho terá também integração total com todos os serviços Google Móbile.

Com esse aparelho, a Google estará declarando abertamente guerra conta a Apple, empresa responsável pela fabricação do iPhone. As duas empresas já disputam fãs em outros segmentos, como navegadores, sistemas operacionais e aplicativos web, mas essa seria a primeira vez que a disputa se daria efetivamente no mercado.
Realidade Aumentada, até quando será apenas diversão?
O usuário pode ver no ano de 2009, aqui mesmo no portal Baixaki, alguns artigos explicando as funções e o funcionamento dessa nova mania que tomou conta da internet e deixou milhões de pessoas intrigadas com o futuro da computação e holografia. A Realidade Aumentada ganhou vários fãs após as ações promocionais que visavam promover filmes como Star Trek e Transformers, ou produtos, como alguns salgadinhos e redes de fast-food.

Transformers em Realidade Aumentada

Para 2010, começam a ser estudadas novas maneiras de transformar a realidade aumentada em algo útil e não apenas divertido. Se os anseios de criação de hologramas táteis forem alcançados, a tecnologia poderá ser usada para diversos fins de elevação profissional, por exemplo, médicos e engenheiros poderiam estudar em corpos e terrenos holográficos, em detrimento do uso de cadáveres e tijolos.
Televisão 3D, o que esperar?
Após o lançamento dos diversos cinemas 3D pelo Brasil, começam a ser vendidas no Estados Unidos da América, no segundo semestre, as primeira televisões com tecnologia de projeção 3D. Projeção? Exatamente, não contente com a criação de imagens 3D que demandam óculos especiais para a visualização das camadas de profundidade de imagem, a indústria tecnológica começa a criar aparelhos que projetam as imagens para fora da tela.

Sala de cinema IMAX

No Brasil, espera-se que em 2010 comecem a ser vendidas as televisões com suporte à tecnologia 3D tradicional, ou seja, que necessita o uso de óculos especiais. Os novos aparelhos prometem dar mais vida às reproduções de filmes, jogos, seriados e afins, visto que a tecnologia é uma forma bastante eficaz de aproximação entre espectador e obra.

A Expansão das TVs e monitores com tecnologia LED

Televisores LEDOs monitores e televisores com tecnologia LED ganharam destaque imenso no ano de 2009, devido às grandes vantagens ecológicas que proporciona (o consumo de energia pode chegar a 40% e a produção dos aparelhos envolve materiais menos agressivos à natureza), em um ano em que análises de ambientalistas e profecias maias apontavam para fins trágicos em um futuro próximo, devido ao aquecimento global, essas questões ecológicas tornaram-se ainda mais importantes para a população mundial.

Em questões de desempenho, as televisões com tecnologia LED também merecem destaque. Devido à estrutura de montagem dos aparelhos, a luminosidade é mais bem aproveitada, além de a imagem proporcionada ser superior tanto no quesito resolução máxima, quanto no quesito qualidade.


Neste ano, a indústria espera conseguir novos avanços nas pesquisas com novas tecnologias, como OLED, AMOLED e SED. Alguns exemplares já existem, mas os preços ainda não são nada atraentes para os consumidores. Além dessas novas tecnologias, pretende-se prosseguir no desenvolvimento da tecnolgia LED Backlight, para baratear e aumentar a qualidade.
E-Readers: tendências e esperanças
Os leitores digitais são fruto de uma tecnologia que ainda não atingiu em cheio os brasileiros, isso porque a grande maioria dos E-Books disponíveis está em outras línguas. Mas isso deve começar a mudar e os E-Readers devem passar a ser mais procurados à medida que sejam disponibilizados livros em português.

Em 2009, a Amazon lançou o tão esperado novo modelo do leitor digital Kindle. A Sony por sua vez, também lançou o novo modelo do Sony Reader. O que ambos têm em comum? Tanto do leitor da Sony, quanto o da Apple deixaram de ser apenas leitores de E-Books para tornarem-se também centrais multimídia, reproduzindo músicas e acessando a internet.

Kindle

Os brasileiros tiveram uma boa notícia com o lançamento da editora Gato Sabido, que prometeu trazer milhares de títulos para a língua portuguesa e começou a vender um E-Reader fabricado aqui mesmo no Brasil. As expectativas para 2010 são boas, pois estima-se que além dos títulos disponibilizados atingirem um número significativo, os preços dos leitores também devem cair com a concorrência.
Touch Screen: tudo à distância de um toque
Nos últimos anos, a tecnologia Touch Screen foi um privilégio para os usuários de iPod Touchs e outros dispositivos não muito baratos. Com o lançamento do Windows 7 com suporte nativo a Touch Screen, espera-se que a tecnologia torne-se mais acessível, devido à maior procura por hardwares compatíveis com a facilidade do toque na tela.

Mas não são apenas os computadores com Windows que poderão desfrutar dos maravilhosos recursos integrados às telas interativas. Existe um segmento no mercado de computadores que é diferente dos netbooks, notebooks e desktops. Esse segmento chama-se Tablet e funciona como um computador pessoal, mas em formato de prancheta e é completamente comandado pelo toque.

Tablets: as pranchetas inteligentes

O mercado das tablets andava um pouco parado, sem lançamentos significativos ou notícias que pudessem abalar as estruturas. Andava, pois desde que a Apple anunciou o lançamento de seu modelo, o mundo da tecnologia trouxe de volta o assunto à tona.

Tablets

Toda a imprensa e usuários estão ansiosos com o anúncio oficial que deve ocorrer ainda em Janeiro, revelando os detalhes do que (ao menos é o que se especula) deverá se chamar iSlate. Ainda não são sabidos detalhes concretos, mas estima-se que existirão versões de 7 e 10 polegadas e que o dispositivo teria um sistema operacional semelhante ao iPhone OS, outras informações seriam apenas tiros no escuro.

O mais interessante do iSlate não é nem o fato de ser um novo hardware produzido pela Apple, mas sim as informações adjacentes ao plano principal. Várias outras fabricantes já começam a se mexer para também entrar na briga por um segmento de mercado que nunca interessou a muitos. HP e Dell seriam bons exemplos de empresas que já começam a dar os primeiros passos em direção ao Tablet.
Ascensão do Ubuntu
Os netbooks facilitam em muito a vida de usuários que precisam transportar os computadores, mas não podem carregar notebooks comuns para cima e para baixo. O problema é que devido às limitações, os netbooks costumam ser bastante menos potentes do que laptops e desktops.

UbuntuPara fugir do fardo que é um netbook lento, muitos usuários começaram a utilizar a distribuição LINUX chamada Ubuntu, uma das mais organizadas e simples já lançadas até hoje, tanto que o slogan da distro é “LINUX para seres humanos”. Por ser bem mais leve do que o Windows, o Ubuntu contagiou o mundo dos usuários de netbooks, que passaram a propagar a ideia e difundir o sistema operacional.

Com as crescentes vendas dos portáteis, a tendência é que a cada dia, mais e mais usuários passem a utilizar o OS de código aberto. Por isso estima-se que 2010 seja o ano da ascensão do Ubuntu e de tantos outros softwares livres, que desempenham as mesmas funções que os programas do mainstream e exigem muito menos desempenho dos computadores.
Processamento “verde”
Verde é bom!Em Setembro de 2009, a Intel anunciou na IDF (Intel Developer Forum) uma série de novas tecnologias que começariam a ser implantadas já em 2010 nos processadores fabricados pela empresa.

Tanto os processadores para netbooks, como os para notebooks, desktops e servidores passariam a ter arquitetura menor e mais eficiente. Com isso, a intenção da Intel é criar chips controladores que possam ter desempenho muito superior aos atuais, ao mesmo tempo em que os gastos de energia passem a ser cada vez menores.

Como em todos os outros ambientes tecnológicos, as concorrentes devem agilizar os setores de Pesquisa e Desenvolvimento para não ficarem atrás nas novas tendências de processamento “verde”. Neste ano de 2010 deverão surgir informações de avanços nas pesquisas da AMD e também da própria Intel.
As redes sociais continuam a se expandir
Fato que já vem ocorrendo faz alguns anos e deve ser ainda mais evidente em 2010 é a presença das ferramentas sócias como instrumentos corporativos. Mídias que entre 2004 e 2009 expandiram exponencialmente com os usuários comuns, como o Orkut, devem dar lugar a ferramentas mais dinâmicas e interessantes para as empresas.

Redes sociais mais detalhadas e que facilitam a comunicação, em detrimento das “vitrinizações sociais” devem ganhar destaque no mundo empresarial. Nesse ponto, deve ocorrem em 2010 uma expansão significativa do Facebook e do Twitter, que já está conseguindo mais fãs a cada dia.

Otzee, a nova mania

Outra rede social que deve ganhar milhares de adeptos ainda nos primeiros meses do ano é a nova mania dos gamers. Otzee, a rede social para jogadores usuais que a NZN criou e disponibilizou para o público. Por que é tão bom? Porque é diferente! É possível adicionar amigos e criar redes internas para conseguir entrar na lista de recordistas dos jogos em flash, simples e divertidos.
Web 3.0: a rede ganha significado
Após a web estática 1.0 e a web dinâmica 2.0, surge a web semântica 3.0. Os conceitos envolvidos na “semântica de redes” representam a interatividade total, mas não apenas do usuário x rede, e sim a integração entre usuário x rede x usuário. Sendo que a rede no caso, é representada também pelos serviços online.

Um dos nomes dados à web 3.0, é web cognitiva. Num prazo de 5 a 10 anos, todos os dados disponíveis deverão estar interligados e prontos para dar ao usuário, informações precisas sobre suas próprias necessidades. Todo clique será armazenado em pacotes de dados de busca e estarão disponíveis para que a rede molde sua estrutura em torno de cada internauta.

LTE: o início da internet 4G
Quando as tecnologias para celulares eram limitadas a CDMA e TDMA, ninguém imaginava que um dia aqueles pequenos (mas não tão pequenos assim) aparelhos pudessem reunir funções tão detalhadas e interação com a web em tempo integral. Hoje, pouca gente quer imaginar como seria o contrário.

LTEPouco tempo após o início do 3G ser implantado no Brasil, já começam a surgir sinais de que a tecnologia está ultrapassada, um bom exemplo disso é a tecnologia LTE (Long Term Evolution), que promete velocidades muito superiores e qualidade de sinal extremamente mais cristalina.

Já em teste no Brasil desde 2009, os celulares e redes com suporte à LTE devem começar a ter o crescimento visível ainda em 2010. Com mais esse passo, a internet móvel começa a dar sinais de que não está para brincadeira e que sim, está buscando alçar vôos cada vez mais altos.
International CES 2010: o futuro já começou
A CES (Consumers Electronics Show), maior feira de eletrônicos do mundo será realizada na próxima semana, entre os dias 7 e 10 de Janeiro. Nessa feira serão apresentados diversos produtos e conceitos que deverão fazer parte do cotidiano do mundo da tecnologia pelos próximos anos.

International CES 2010Algumas das principais categorias de produtos apresentados anualmente na feira são: dispositivos de som; tecnologias de banda larga; novidades em Bluetooth; computadores; TV digital; tecnologias digitais para automóveis; jogos; cinema; gadgets pessoais; tecnologia wi-fi; fotografia digital; GPS; portáteis e tecnologias de áudio e vídeo.


Muito se especula acerca da feira desse ano, é pouco provável que a Apple não anuncie seu tablet no evento, assim como é quase impossível que a Google não apresente o novo Google Phone durante as apresentações de fabricantes. Outros que são muito esperados são os Blu-rays 3D da AMD e novidades sobre televisores 3D.

Um dos destaques da CES 2010 está longe dos holofotes principais. Trata-se da mostra de produtos Eco-Friendly, ou seja, produtos que não agridem a natureza e atmosfera, sendo não-geradores de carbono. Nessa mostra haverá palestras de ativistas do Greenpeace e de outras entidades protetoras do meio-ambiente. É mais uma pequena mostra de que o futuro da tecnologia é mesmo “verde”.
Considerações finais
Novos modelos de processamento de informações e novas perspectivas de preservação ambiental, essas são as apostas para o que será destaque no mundo tecnológico nesse ano de 2010. Pelo menos são as expectativas que o portal Baixaki tem para o ano que acaba de começar. Ainda virão 364 dias para dizer se as previsões estão corretas ou se serão apenas esperanças sem atendimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem Vindo Ao VemPC...
Oque Você Achou desse post?

Search